OESTE PAULISTA

Dracena – Furto de telefones celulares ocorrido madrugada nesta quarta-feira em uma loja

A Polícia Civil, por intermédio das Unidades Especializadas – DIG/DISE, esclareceu, nesta quarta-feira (6), o furto de telefones celulares ocorrido nesta madrugada em uma loja localizada no centro da cidade de Dracena (SP). Dois suspeitos foram identificados: um homem de 20 anos e um adolescente cuja idade não foi divulgada, estão envolvidos na subtração dos aparelhos celulares.

Assim que a Polícia Civil teve conhecimento do furto, agentes das Unidades Especializadas iniciaram as investigações de campo. Os policiais civis estiveram no estabelecimento furtado e conseguiram imagens das câmeras de monitoramento de segurança que flagraram a ação delituosa dos suspeitos.

Os investigados foram captados pelas câmeras no momento em que forçaram a porta de vidro do estabelecimento com algum instrumento de ferro e ingressaram no local, de onde subtraíram uma quantia de 10 aparelhos celulares.

Com base nas imagens, a Polícia Civil, utilizando ferramentas de inteligência policial, conseguiu identificar a participação do adolescente e obteve seu endereço. O menor foi localizado e apresentado na sede das Unidades Especializadas, acompanhado de sua genitora, que, ao ser ouvido, confessou sua participação e indicou características do segundo envolvido. O menor mencionou ainda que, após o furto, ficaria com um dos 10 aparelhos subtraídos, porém acrescentou que todos os aparelhos ficaram com o comparsa.

O outro suspeito já identificado é um homem de 20 anos, que também estava sendo investigado por outro furto em lojas de venda de aparelhos celulares ocorrido no mês de setembro. Em continuidade às diligências, agentes realizaram vistorias em locais frequentados pelo acusado ao longo do dia, visando sua captura, bem como a recuperação dos objetos subtraídos. No entanto, o homem não foi localizado. Ainda durante as investigações, a Polícia Civil apreendeu um simulacro de arma de fogo.

Um inquérito policial, versando sobre o crime de furto qualificado, foi instaurado pelas Unidades Especializadas, que subsidiará, acrescido de elementos probatórios, um pedido de prisão temporária do suspeito maior de idade. O adolescente foi liberado para sua responsável legal.

Jornal Boletim da Hora
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com